Take a fresh look at your lifestyle.

Auxílio Cesta Básica para Famílias em Vulnerabilidade

6

Auxílio Cesta Básica é mais um programa social que visa ajudar famílias em vulnerabilidade social e econômica. Os problemas decorrentes da pandemia vem assombrando milhares de famílias em todo o país, que perderam renda, e com isso dificultou o acesso a alimentos básicos.

A iniciativa é decorrente de governos que tentam auxiliar de uma forma mais aproximada e efetiva a vida dessas famílias.

Apesar de outros esforços e programas sociais como Auxílio Emergencial, Prato Cheio, Bolsa Presença, Merenda em Casa, Vale gás, e outros programas criados em função da pandemia, cada vez se faz mais necessário o auxílio de entidades governamentais.

VIROU VIRAL: Bolsa Presença: conheça o benefício que irá ajudar famílias de estudantes em vulnerabilidade

Ajuda de todos

Não só o poder público vem tentando auxiliar as famílias necessitadas, mas ongs, igrejas, entidades de cunho social, e a sociedade de forma geral ajuda como pode.

Inclusive, em alguns estados as doações de alimentos e cestas básicas estão ocorrendo em conjunto à campanha de vacinação. Essa ajuda se faz necessária e muito importante.

Atualmente, milhares de famílias perderam totalmente ou quase totalmente suas rendas, o que fez com que mais pessoas precisassem de um auxílio como o Auxílio Cesta Básica.

O que é o Auxílio Cesta Básica?

O Auxílio Cesta Básica é um programa criado para facilitar o acesso a alimentos básicos à famílias em vulnerabilidade social e econômica.

O público alvo são pessoas que obtiveram perda de renda, ou exclusão da renda, devido ao desemprego, ou no caso de pessoas autônomas, que não conseguem o suficiente para suprir suas necessidades.

O programa é baseado em um cartão vale-alimentação. Esse cartão é utilizado na compra de alimentos. Entretanto, vale salientar que não é um cartão de crédito, mas sim um cartão com saldo, tipo cartão de débito.

Apesar do Auxílio Cesta Básica ajudar muitas famílias, existe alguns pré-requisitos para solicitar o auxílio junto as entidades. Veremos a seguir…

Quem tem direito ao Auxílio Cesta Básica?

Para participar do programa, que dá direito a um cartão de débito com saldo para compras de produtos alimentícios, é preciso, antes de mais nada, comprovar a perda significativa de ganhos.

Outro requisito, é ser maior de 18 anos, e estar inscrito no Sistema de Informações e Indicativos Sociais.

Documentação para a inscrição no programa

Para poder se inscrever, é preciso estar munido de documentos pessoais, para inserir os dados corretos no momento da solicitação. Entre esses documentos obrigatórios estão:

  • Documento de Identidade (RG);
  • Comprovante de Residência, ou declaração de residência;
  • Carteira de Trabalho que demonstra não ter nenhum vínculo empregatício;

Qual é o valor que será pago no Cartão Auxílio Cesta Básica?

Como dissemos anteriormente o auxílio cesta básica é um programa que destina um valor em um cartão de débito para compras de alimentos.
O valor pago para quem tiver direito a receber do programa é de R$ 200. Com esse valor será possível comprar alimentos.

Doações de Cestas Básicas

Outra alternativa para quem está passando por dificuldades econômicas, e não consegue garantir alimentos básicos, é entrar em contato com o CRAS (Centro de Referência da Assistência Social), presente em sua cidade.

Praticamente todas as cidades do Brasil contam com um CRAS, e esse centro capta recursos para distribuir para famílias em vulnerabilidade. Entretanto, é preciso se informar antes se o CRAS da sua cidade está realizando doações no momento.

Como há um número muito grande de pessoas precisando, eles precisam organizar as doações conforma chegam os produtos e alimentos.

A crise financeira e social levou as pessoas a ter que escolher entre pagar o aluguel, a conta de luz, de água, o gás, ou comer. E por isso outras entidades também estão sempre ajudando. Outra forma é entrar em contato com a prefeitura da sua cidade e se informar se há algum programa social como este!

6 Comentários
  1. Luciana Araujo do Nascimento Diz

    Essa proposta e muito boa ajuda muita gente deus abençoe a cada um

  2. Girlene Leonardo Lopes Diz

    Boa , oportunidade pra aqueles que realmente hoje não tem como levar comida pra mesa dos filhos , como temos muitas famílias com no mínimo quatro a cinco filhos , e só o bolsa não da aí resolvem ir pedir pra poder da de comer o seu filho.podem ter vários benefícios em prefeitura só não vemos nenhuma divulgação, e como sempre nos interior as áreas de vulnerabilidade tanto faz como tanto fez pra gestores, de qualquer forma só temos direitos , o que estiver em lei ou em decreto a nível de estado se for for através da justiça, alguns benefícios desse porte ainda , tem escolhas mesmo que vc se encaixe , e esteja dentro de uma área de vulnerabilidade e passo dificuldades muitos além.

  3. Muito legal ajudar quem precisa🙏

  4. Kátia lima Diz

    Muito bom pra quem precisa

  5. Caroline Diz

    Seria muito bom dar para as famílias

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.